Biohidrogénio

Biohidrogeneo

Biohidrogénio em debate no Instituto de Biologia Molecular e Celular no Porto Reunião científica internacional faz o ponto da situação na investigação do biocombustível do futuro.

2008-02-27. Representantes de equipas de investigação de 30 países, na área da produção de biohidrogénio, vão estar em Portugal no próximos dias para fazer o ponto da situação de trabalhos conduzidos há mais de um ano para encontrar mais organismos e sistemas “in vitro” capazes de produzir hidrogénio. A reunião científica “Task 21: BioHydrogen”, da Agência Internacional de Energia (IEA), começa hoje no Instituto de Biologia Molecular e Celular (IBMC), no Porto. De acordo com a organização do evento, o objectivo é estabelecer colaborações entre os projectos de investigação internacionais e trocar conhecimentos científicos. — Resto da notícia em Ciência Hoje.

2 responses to “Biohidrogénio

  1. Nuno Filipe Pereira da Cruz

    O OXIDROGENIO PRODUZIDO A PARTIR DE ELECTROLIZADORES , SEM ABASTECIMENTO NEM DEPOSITO ESTÁ MUITO COMPROVADO PELA SUA SEGURANÇA AO NÃO HAVER ARMAZENAMENTO NEM DEPOSITO NEM PRESSÕES E AO MESMO TEMPO POR ELE SE JUNTAR COM UM COMBUSTÍVEL FOSSIL QUE SERÁ O GPL, DIESEL BIODIESEL OU GASOLINA JÁ DENTRO DA CAMERA DE COMBUSTÃO , ESTA MISTURA DE OXIDROGENIO É MUITO MAIS RICA E ATOMIZANTE DIMINUINDO DRASTICAMENTE O CONSUMO DO PROPRIO COMBUSTIVEL FOSSIL, E AUMENTANDO EM MAIS DE 10% A CURVA DE BINÁRIO DE POTÊNCIA DO MOTOR, DIMINUINDO PARA QUANTIDADES PROXIMAS DE ZERO OS NIVEIS DE POLUIÇÃO E TAMBÉM DANDO MAIS DURABILIDADE AO MOTOR

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s